Não categorizado

Carros nacionais pioneiros: conheça o primeiro veículo de 10 fabricantes

Você curte carros nacionais? Sabe quais foram os pioneiros de cada fabricante? Não? Então, vai gostar do listão de hoje: enumerados os primeiros veículos produzidos localmente pelas 10 multinacionais mais antigas ainda em atividade no Brasil.

VEJA TAMBÉM:

Os primeiros carros nacionais de 10 fabricantes

Marcas que foram extintas ao longo dos anos não foram incluídas, uma vez que já tiveram a história relembrada recentemente pelo AutoPapo. Fabricantes legitimamente brasileiros também ficaram de fora desta vez, pois foram tema recente de matéria. Explicados os critérios, eis o listão!

1. Volkswagen

unidades da kombi mantidas no acervo de carros antigos nacionais da volkswagen
Volkswagen nacionalizou a Kombi antes do Fusca

Muita gente acha que o primeiro dos carros nacionais da Volkswagen foi o Fusca, mas isso não é verdade. Esse modelo só ganhou produção brasileira em janeiro de 1957, enquanto a fabricação da Kombi começou em setembro de 1957. Os dois veículos compartilhavam o motor e uma série de peças e deram origem à história da marca alemã no país.

2. Chevrolet

Picape 3.100 é o primeiro produto nacional da Chevrolet, em 1958
Uma década depois, veio o Opala

A GM, detentora da marca Chevrolet, começou a montar veículos no país em 1925. Porém, a operação industrial consistia apenas na montagem dos componentes, que vinham todos do exterior. Só em 1958 a multinacional começou a fabricar, de fato, por aqui, com autopeças locais: a pioneira foi a picape 3100, logo apelidada de “Brasil” devido à origem nacional. Em 1968, veio o Opala, primeiro carro de passeio da marca.

3. Toyota

Toyota também iniciou as atividades no país produzindo utilitários
Corolla tornou-se nacional em 1998

Embora a Toyota já operasse no Brasil desde 1958, quando começou a montar veículos com peças vindas do exterior, em um esquema conhecido como CKD (Completely Knocked Down), a produção, de fato, nacional, data de 1962, com a linha Bandeirante. Os utilitários seguiram em fabricação por  quase 40 anos, até 2001. Em 1998, a marca japonesa nacionalizou o primeiro carro de passeio: o sedã Corolla.

4. Fiat

fiat 147
Hatch 147 marcou o início das operações locais da Fiat, em 1976

A história da Fiat no Brasil começa em 1976, com o lançamento do 147. Moderno, foi o primeiro entre os carros nacionais com motor transversal e capaz de funcionar com etanol. Ao longo dos anos, o modelo deu origem a uma família, que incluía o sedã Oggi, a perua Panorama e os utilitários Fiorino Pick-Up e Furgão. O hatch saiu de linha em 1986, quando já convivia com o sucessor Uno.

Boris Feldman dirige Fiat 147 a álcool: assista ao vídeo!

5. Honda

honda civic lx 1997 prata de frente
Civic foi o primeiro carro nacional da Honda

Enquanto a produção de motocicletas Honda no Brasil começou em 1976, os primeiros carros nacionais da marca surgiram mais de duas décadas depois, em 1997. O primeiro automóvel produzido por lá foi o Civic. Em 2003, o sedã passou a dividir espaço na fábrica com o compacto Fit.

6. Renault

renaullt scenic 1998 de frente
Em 1999, a Renault começou a produzir o Scénic localmente

Em março de 1999, chegava ao mercado o primeiro dos carros nacionais da Renault: o Scénic. Baseado na gama Mégane, o modelo trazia uma novidade para o mercado da época: a carroceria monovolume. Em novembro daquele mesmo ano, o leque de produtos locais da marca francesa crescia com o hatch Clio.

7. Peugeot e Citroën

Grupo PSA iniciou a produção no Brasil com o Peugeot 206
E também com o Xsara Picasso

A produção de veículos das francesas Peugeot e Citroën, então integrantes do Grupo PSA, no Brasil começou em fevereiro de 2001. A primeira optou pela nacionalização do hatch 206, enquanto a segunda iniciou as operações com o monovolume Xsara Picasso. Na sequência, veio o hatch C3, cerca de dois anos depois.

8. Nissan

Frontier começou a ser produzida no Paraná em 2002
Enquanto o March marcou as operações da fábrica própria da Nissan, no Estado do Rio

O primeiro veículo nacional da Nissan foi a Frontier. Isso ocorreu em 2002, quando a marca japonesa não tinha fábrica própria no país: o jeito foi recorrer à unidade industrial da Renault, no Paraná, com a qual a marca japonesa forma uma aliança global. De lá, ainda saíram modelos como X-Terra, em 2003, e Livina, em 2009. Inaugurada em 2014, a planta própria, no Estado do Rio de Janeiro, passou a produzir March e Versa.

9. Mitsubishi e Suzuki (Souza Ramos)

L200 foi o primeiro produto brasileiro da Mitsubishi
Por sua vez, Jimny foi o pioneiro da Suzuki

O caso da fabricação dos veículos Mitsubishi e Suzuki no Brasil é peculiar. Ambas as marcas são representadas pelo Grupo Souza Ramos, que opera, desde 1998, uma fábrica em Goiás. A unidade trabalha com nacionalização de determinados componentes, embora ainda dependa de importação de itens mais complexos. A picape L200 foi a primeira a sair das linhas de produção. Em 2013, foi a vez do jipinho Jimny.

10. Hyundai

hyundai hb20
Hyundai desenvolveu o HB20 para o mercado brasileiro

Como fabricante propriamente dita, a Hyundai começou a operar no Brasil em novembro 2012, quando inaugurou uma fábrica própria. Até hoje, a unidade é responsável pelo fornecimento da gama HB20, desenvolvida especificamente para o país, e do Creta. Porém, em 2007, os caminhões HR e o SUV Tucson começaram a ser montados por aqui, com componentes majoritariamente importados, pelo Grupo Caoa.

Bônus: Ford

Operações da Ford no país começaram com a F100
Já o Galaxie foi o primeiro carro de passeio da marca

Como fabricante de automóveis, a trajetória da Ford no Brasil terminou em janeiro último, com o fechamento das fábricas de Taubaté (SP) e Camaçari (BA). Porém, como segue atuando no mercado como importadora, vale lembrar quais foram os primeiros carros nacionais da marca. A picape F-100 foi a pioneira: em 1958, passou a ter a maioria dos componentes fabricados no país. Em 1967, chegou o Galaxie, o primeiro carro de passeio.

Fotos: Divulgação

O post Carros nacionais pioneiros: conheça o primeiro veículo de 10 fabricantes apareceu primeiro em AutoPapo.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Vamos conversar?