Não categorizado

Como o porta-malas é medido em litros? Usam água?

Brasileiro coloca o tamanho do porta-malas com um dos itens essenciais quando vai comprar um carro… Mesmo que rode a maior parte do ano sem utilizá-lo. Mas como é calculado o volume que ele é capaz de transportar, sempre divulgado em litros? É usado água?

A medição utiliza-se de um método amplamente difundido no mercado, que é o sistema VDA. Blocos com um litro de capacidade cúbica são devidamente acomodados no compartimento de carga.

VEJA TAMBÉM:

É permitido otimizar a distribuição dos blocos, conforme o padrão ISO 3832. A medição é feita virtualmente e há depois uma validação física, e a disposição dos blocos não pode interferir no processo de abertura e fechamento da tampa ou na posição da cobertura móvel do bagageiro, por exemplo.

O uso de líquidos é inadequado, pois ele irá preencher espaços – aqueles cantinhos do porta-malas – que nenhum volume poderá ocupar

Veja no vídeo:

Como arrumar o porta-malas

Na hora de organizar o bagageiro, o ideal é posicionar as cargas mais pesadas na base, distribuindo-as sobre o eixo das rodas, garantindo a melhor dinâmica veicular e evitando que a frente do carro e os faróis empinem.

Se as cargas tiverem densidade semelhante, prefira acomodar aquelas de maior volume primeiro, encaixando objetos menores depois. O peso total, somando passageiros e bagagem, não pode superar o máximo recomendado para o automóvel.

É importante observar alguns outros detalhes ao acomodar a bagagem no porta-malas. Se for um sedã, as dobradiças do tipo “pescoço de ganso” podem danificar os volumes ao baixar a tampa do compartimento.

As do tipo pantográfica não causam esse problema, mas têm o inconveniente de diminuir o espaço de acesso ao porta-malas.

dobradiça de porta-malas pescoço de ganso
Dobradiça pescoço de ganso protegida diminui riscos aos volumes

Banco rebatido dá multa?

A Polícia Rodoviária Federal entende não haver a infração capitulada no artigo 248 do CTB quando é realizado o transporte de bagagens portadas pelos ocupantes, tais como: bolsas, mochilas, pequenos objetos ou embrulhos.

Pertences maiores, por sua vez, são considerados cargas e representem riscos à vida e a incolumidade dos ocupantes dos veículos, principalmente nos casos de eventual envolvimento em acidente de trânsito, portanto se enquadram como infração e são passíveis de multa.

O post Como o porta-malas é medido em litros? Usam água? apareceu primeiro em AutoPapo.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Vamos conversar?