Não categorizado

Fim dos pedágios? Entenda melhor esta história e quem tem direito

Pedágios do Paraná terão isenção em um ano

Os condutores que cruzarem o estado do Paraná a partir do próximo dia 28/11, não pagarão pedágio durante um ano. O motivo é o espaço de tempo entre o fim da concessão atual e da próxima que só entra em vigor a partir do terceiro trimestre de 2022. Entenda o caso sobre o fim dos pedágios nesta região!

Pedágios do Paraná terão isenção em um ano
Pedágios do Paraná terão isenção em um ano (Foto: Pixabay)

Paraná fica sem cobrar pedágio durante um ano; entenda 

Os estado do Paraná terá suas cancelas de pedágios levantadas para todos os condutores a partir do dia 28 de novembro e permanecerá assim durante o período de um ano. Ou seja, até o terceiro trimestre de 2022

O motivo é o espaço de tempo entre a concessão atual que não teve contrato renovado e a nova responsável pelas estradas. No entanto, essa última só iniciará os trabalhos a partir do terceiro trimestre de 2022.

VEJA TAMBÉM

Dessa forma, quem passar por rodovias como a BR-277 não pagará os pedágios que atualmente chegam a R$ 26,00 por carro em alguns trechos do estado.

A gestão atual teve a concessão da rodovia desde 1997 e terá contrato finalizado no dia 27 desse mês.

Já a nova administradora só tomará posse ao final de 2022 após decisão da Agência Nacional de Transportes Terrestres, a ANTT. O adiamento da nova concessão é justificado pelos impasses entre o governo do estado do Paraná e o Governo Federal.

Dessa forma, as estradas federais e estaduais serão contempladas com esse período de paralização do pedágio. Estima-se que cerca de mais de 3,3 mil quilômetros de estradas sejam liberadas do pedágio durante o próximo ano.

Pedágios do Paraná terão isenção em um ano
Haverá uma lacuna de um ano entre a administradora atual e a próxima (Foto: Pixabay)

Com nova concessão os pedágios podem diminuir 

Em entrevista ao portal Banda B; o secretário-chefe da Casa Civil do Paraná, Guto Silva, afirmou que a partir das novas administradoras, a tendência é que as tarifas de pedágio sejam reduzidas em até 50%, além de novas obras que também acontecerão.

“A expectativa é que no leilão o preço médio das tarifas cobradas no Paraná reduzam em 50%, além das obras. Mas o leilão e a entrada da nova concessão devem ocorrer somente no fim do ano que vem. Então, teremos um ano de intervalo em que a partir de 28 de novembro os paranaenses não vão pagar pedágio, porque voltam as rodovias para o Governo Federal e para o Governo do Estado”.

Veja também: Tudo sobre o VW Gol 2022, um dos carros mais econômicos do Brasil!

Guto também informou que durante esse período onde não haverá concessão das rodovias paranaenses as estradas não ficarão sem fiscalização.

“Nós estamos com plano de transição, porque teremos que gerenciar as rodovias neste período. Mas todos os contratos de manutenção de pavimento e as questões relacionadas a atendimento médico e guincho já estão planejados. Devemos ter uma transição tranquila que garanta, enquanto a nova concessão não entra nas estradas, conseguir manter o atendimento adequado a população neste período”. Concluiu o secretário-chefe ao portal Banda B.

Pedágios do Paraná terão isenção em um ano
Ao todo, serão mais de 3 mil km de estradas sem pedágios (Foto: Pixabay)
Nicole Santana

Nicole SantanaJornalista e especialista em comunicação empresarial, com bagagem de mais de três anos atuando ativamente no setor automotivo, e premiada em 2016 por melhor reportagem jornalística através do concurso da Auto Informe.

O post Fim dos pedágios? Entenda melhor esta história e quem tem direito apareceu primeiro em GARAGEM 360.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Vamos conversar?