Não categorizado

Novo Versa ou Versa V-Drive? Saiba como escolher entre os sedãs da Nissan

Após seu lançamento, o Nissan Versa se tornou um dos carros mais modernos da linha atual da marca. Porém, não pense que isso fez com que a montadora desistisse da geração anterior. As duas convivem bem e cobrem faixas de preços diferente no mercado. Hoje, falaremos um pouco mais sobre suas vantagens e desvantagens.

Novo Versa ou Versa V-Drive?

Isso que a Nissan fez é bastante comum no mercado automotivo. A Chevrolet, por exemplo, vende o novo Onix e Onix Plus ao mesmo tempo que oferece a versão anterior (Joy e Joy Plus). Na Fiat costumava acontecer quando o Palio ainda era vendido.

Normalmente, eles mantém um carro – mais velho – que pode ser uma boa pedida para quem busca comprar um 0km mais em conta ou quem trabalho com o veículo. E esse é o caso da Nissan.

Foto: Divulgação/Nissan Brasil

 

Primeiramente, apresentamos a nova geração do sedã. A linha 2021 do Novo Versa está maior e com mais itens tecnológicos. Suas três versões são: Sense (R$ 77.990), Advance (R$ 89.790) e Exclusive (R$ 99.990). Ambas trazem consigo o motor 1.6 16v CVVTCS L Flex, que tem potência máxima de 114 cv a 5.600 rpm e torque  de 15,5 kgfm a 4.000 rpm. Sua transmissão é a CVT Xtronic.

Enquanto o modelo mais novo concorre diretamente com as versões intermediárias e top de linha dos outros sedãs, a mais velha custa um pouco menos e briga com as versões mais básicas dos concorrentes (sem falar do Chevrolet Joy Plus, Fiat Grand Siena e outros). O Versa V-Drive traz duas opções de motorização: a 1.0L Flex CVVTCS*, que tem 77 cv de potência e 10 kgfm a 4.000 kgfm de torque. A única versão que equipa a 1.0 com câmbio manual (R$ 61.990).

Já a 1.6L Flex CVVTCS pode gerar 111 cv a 5.600 rpm e torque de 15,1 kgfm. Ele está presente nas versões 1.6 MT (R$ 66.490) e a Special Edition (R$ 71.990). Ambas usam câmbio automático.

Consumo

De acordo com o Inmetro, o Novo Versa pode rodar 11,7 km/l (gasolina) e 8 km/l (etanol) na cidade. Já na estrada, ele faz 13,9 km/l (gasolina) e 10 km/l (etanol).

Foto: Divulgação/Nissan Brasil
Foto: Divulgação/Nissan Brasil

Enquanto isso, o “velho” Versa tem números mais animadores (versão 1.0): 12,9 km/l (gasolina) e 8,8 km/l (etanol) no perímetro urbano; 15,3 km/l (gasolina) e 10,5 km/l (etanol) no perímetro rodoviário.

Espaço interno

A geração anterior do modelo já tinha como trunfo o espaço interno e isso a marca resolveu manter na geração seguinte. Entretanto, o porta-malas ficou mais espaçoso. Ele cresceu de 466 litros para 482 litros.

Equipamentos de série

 

Foto: Divulgação/Nissan Brasil

Ambos os carros trazem um pacote de itens de série bastante interessantes. O Versa V-Drive 1.0, versão mais básica, traz ar-condicionado, banco do motorista com regulagem de altura, computador de bordo, desembaçador traseiro, volante com regulagem de altura, alarme, apoios de cabeço com regulagem de altura, freios ABS, rodas de aço 15″ e airbag duplo.

Claro, nas versões mais caras, você encontra alguns mimos como a central multimídia touchscreem de sete polegadas (a partir da 1.6 Special Edition), bancos com revestimento premium (a partir da 1.6 Plus), comando de áudio e telefone no volante (a partir da 1.6 Plus); ar-condicionado digital (exclusivo 1.6 Premium) e entre outros.

Foto: Divulgação/Nissan Brasil

Já para o novo Versa, a Nissan preparou alguns itens de segurança e conforto inéditos e que estão disponíveis já na versão Sense, Esse é o caso do controle de tração e estabilidade, sistema inteligente de partida em rampa (HSA), quatro airbags, freios ABS com EBD, sensor de estacionamento, chave inteligente presencial, sistema eletrônico de ignição, comandos do áudio e telefone no volante e entre outro.

Sem falar de outros conteúdos disponíveis nos modelos Advance e Exclusive: sistema eletrônico de ignição, painel central multifuncional, central multimídia Nissan Connect, alerta de esquecimento de objetos, câmera de ré, chave I-Key, visão 360º, faróis dianteiros Full LED, ar condicionado digital e Nissan Safety Shield.

Resumo

Assim sendo, os dois Nissan Versa são dois carros competentes e que trazem pacotes de equipamentos de série interessante. Um traz um visual clássico, mas o custo-benefício (preço competitivo e consumo baixo) o torna uma boa opção para quem busca um carro familiar. Já o mais novo traz consigo um conjunto mecânico moderno e itens que encontramos em carros de de categorias superiores. Seu preço está na média do segmento.

O post Novo Versa ou Versa V-Drive? Saiba como escolher entre os sedãs da Nissan apareceu primeiro em GARAGEM 360.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Vamos conversar?