Não categorizado

Presidente da Jeep diz que motores à diesel irão acabar até 2030

Um dos segredos para a popularidade dos Jeep Renegade e Compass no Brasil é a oferta do motor diesel. Porém fora do Brasil a aceitação por esse tipo de motor vem caindo desde o escândalo do Dieselgate, que revelou as trapaças dos fabricantes para esses motores passarem nos testes de emissões.

Outro fator que está matando os motores diesel no exterior são as novas normas de emissões, que tornam ainda mais difícil a aprovação desses motores e favorecem conjuntos híbridos. Christian Meunier, CEO da Jeep, revelou em uma entrevista com o site australiano Car Advice que os motores diesel estão perto de acabar na Jeep.

VEJA TAMBÉM:

Jeep investe pesado em eletrificação

Com o banimento dos motores a combustão conformado na Europa para 2035 e outras partes do mundo tomando decisões similares, a Jeep está investindo para ter uma linha eletrificada completa até 2030. Isso inclui carros puramente elétricos e também os híbridos.

jeep grand cherokee 4xe 2022 estacionado carregador painel solar
Jeep diz que até 2025 70% de sua linha será eletrificada (Foto: Jeep | Divulgação)

O executivo afirma que os motores diesel serão banidos globalmente da marca até o final da década. Porém, os motores V8 podem sobreviver devido a demanda em alguns mercados onde o petróleo é abundante e existe a preferência pelo V8 nos Jeep.

A linha de SUV grandes da Jeep que são movidos por motores V6 e V8 vem ganhando versões híbridas plug-in para reduzir o consumo desses motores. Isso é parte de ter 70% da linha eletrificada até 2025.

E como fica o Brasil?

Na entrevista o executivo diz que os motores à diesel são uma preferência europeia e irão desaparecer devido a baixa demanda nesse mercado. Porém as normas de emissões brasileiras ainda são atrasadas em relação a Europa, além da procura por SUV e picapes diesel ser alta.

A Jeep e a Fiat lançaram uma versão atualizada de seu motor 2.0 turbodiesel no Brasil em 2021 que utiliza o Arla 32 para reduzir as emissões. E nos planos da Jeep ainda conta o lançamento do Commander equipado com esse tipo de motor. Será que o Brasil não faz parte desse plano global da marca?

O post Presidente da Jeep diz que motores à diesel irão acabar até 2030 apareceu primeiro em AutoPapo.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Vamos conversar?