Não categorizado

5 sedãs e hatches seminovos que custam até R$ 50 mil

5 sedãs e hatches seminovos que custam até R$ 50 mil

O mercado de veículos 0 km vive um momento bastante delicado. A quantidade de modelos que custam até R$50 mil é bastante escassa. Diante disso, o mercado de carros seminovos e usados se tornam uma boa opção. Mesmo para comprar modelos mais básicos. Pensando nisso, o Garagem360 traz para você uma lista com 5 sedãs e hatches seminovos que custam até R$ 50 mil.

Hoje, apenas dois veículos novos custam menos que isso. Estamos falando do Fiat Mobi Easy e do Renault Kwid Life (eles custam R$ 46.940 e R$ 47.690, respectivamente).

E como já virou padrão aqui no site, os preços abaixo são de anúncios encontrados no Webmotors. Foram filtrados apenas veículos fabricados entre 2018 e 2020.

sedãs e hatches seminovos que custam até R$ 50 mil
Foto: DIvulgação/Fiat

Sedãs e hatches seminovos que custam até R$ 50 mil

1- Fiat Argo Precision 1.8 Flex 2018/2018 (R$ 49.900)

sedãs e hatches seminovos que custam até R$ 50 mil
Fiat Argo Precision 1.8 (Foto: Divulgação/Fiat Brasil)

E começamos a nossa lista com um veículo que está entre os mais vendidos. Com R$ 49.900 em mãos, você pode levar um Fiat Argo Precision. Esta é uma das versões mais completas e potente do modelo. O compacto foi lançado em 2017 e é o substituto do Palio e do Punto ao mesmo.

O carro  pode oferecer também bastante espaço interno e bom consumo. Ele está equipado com o motor E.torQ 1.8 Flex. Sua potência máxima é de 135 cv e torque de 19,3 kgfm. A transmissão é a manual de cinco velocidades.

Principais equipamentos de série

  • Controle de cruzeiro
  • Faróis de LED
  • Rodas de Liga leve de 15 polegadas
  • Faróis de neblina
  • Central multimídia de 7 polegadas, entre outros itens.

2 – Renault Sandeiro 1.6 16V Expression 2018/2019 (R$ 48.900)

Foto: DIvulgação/Renault

Com o mesmo valor do dois volumes da Fiat, é possível encontrar unidades do Renault Sandero Expression. Esta é uma versão um pouco mais completa que a de entrada. Ela traz de série alguns itens bastante interessantes. Ainda é possível encontrar unidades com a central multimídia MEDIA Evolution por R$ 48.900.

Este veículo também se destaca por conta do entre-eixos de 2.590 mm, que mostra que ele comporta bem os ocupantes. Sem falar do porta-malas de 320 litros. Sob o capô está o motor  1.6 SCe Flex 16V. A potência máxima é de 118 cv e torque de 16 kgfm. O carro usa um câmbio manual de cinco velocidades. 

Principais equipamentos de série

  • Ar-condicionado
  • Banco do motorista com regulagem de altura
  • Airbag duplo
  • Vidros dianteiros elétricos (sistema one-touch)
  • Retrovisores na cor da carroceria, além de outros itens.

Leia mais: 5 carros usados mais baratos que o VW Virtus 1.6 2022

3 – Peugeot 208 Active Pack 1.6 16V Flex 2018/2019 (R$ 47.800)

Foto: Divulgação/Peugeot

Veja também: o Garagem360 testou o Peugeot 208 e os atrativos da versão intermediária

Você prefere carros automáticos? Sem problemas! Uma opção para quem não quer ter muito trabalho na hora enfrentar o trânsito é o Peugeot 208. A primeira geração do compacto francês sempre se destacou por conta de seu design moderno. Perfeito para quem ser o descolado da turma.

O modelo que entrar na nossa lista é a versão Active Pack. Ela pode ser encontrada por R$ 47.800. Debaixo do capô está o motor 1.2 12V Flex. Ele pode gerar uma potência máxima de 90 cv e torque de 13 kgfm. Ao contrário dos modelos acima, ele vem com uma caixa automática de seis marchas.

Principais equipamentos de série

  • Volante revestido em couro
  • Faróis de neblina
  • Quatro airbags
  • Central multimídia touchscreem de sete polegadas
  • Ar-condicionado e outros.

4 – Fiat Grand Siena Essence 1.6 Flex 2018/2018 (R$ 49.900)

sedãs e hatches seminovos que custam até R$ 50 mil
Fiat Grand Siena Essence (Foto: Divulgação/Fiat Brasil)

Você pode se interessar também por: 5 carros automáticos seminovos por até R$ 70 mil

Agora, se você pensa em um carro para levar a família, esta opção pode ser o Fiat Grand Siena. O sedã foi uma das grandes referências do mercado de sedãs compactos. Principalmente por conta de seu porta-malas de 520 litros e bom espaço interno.

No mercado de carros usados, você pode encontrar unidades do modelo Essence (top de linha) por R$ 49.900. Ele está equipado com o motor E.torQ 1.6 EVO Flex. Ele gera uma potência de 115 cv e torque de 16,2 kgfm. A transmissão é a manual de cinco velocidades.

Principais equipamentos de série

  • Banco do motorista com regulagem de altura
  • Rádio MP3 Connect
  • Bluetooth
  • Ar-condicionado
  • Volante com comandos do rádio, entre outros itens e equipamentos de série.

5 – Chevrolet Prisma LT 1.4 Flex 2018/2018 (R$ 49.900)

sedãs e hatches seminovos que custam até R$ 50 mil
Chevrolet Prisma LT (Foto: DIvulgação/Chevrolet)

Por fim, mais uma opção familiar. O Chevrolet Prisma é um dos 5 sedãs e hatches seminovos que custam até R$ 50 mil por conta dos seus atributos. Do mesmo modo que o carro da Fiat, você também encontrará bastante um interior bastante confortável. Quem mostra isso é o seu entre-eixos de 2.528 mm. Já o porta-malas tem espaço / capacidade para 500 litros.

Aqui temos uma unidade da versão intermediária LT. O preço sugerido é de R$ 49.900. Sob o capô está o motor 1.4 8v. Ele pode gerar 106 cv de potência e torque de 13,9 kgfm. Um outro bom atributo também é a transmissão automática de seis velocidades.

Principais equipamentos de série

  • Central multimídia MyLink
  • Computador de bordo
  • Vidros e travas elétricas
  • Airbag duplo
  • Freios ABS com EBD, entre outros itens.
Pedro Giordan

Pedro GiordanJornalista graduado pela Universidade Metodista de São Paulo em 2017. Redator do Garagem360 desde abril de 2021. Anteriormente, trabalhou em redação jornalística, assessoria de imprensa, blog sobre futebol e site especializado em esportes.

O post 5 sedãs e hatches seminovos que custam até R$ 50 mil apareceu primeiro em GARAGEM 360.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Vamos conversar?