Não categorizado

8 itens de segurança para verificar na hora de comprar carro usado

Itens de segurança para analisar na hora de comprar um carro

Comprar um carro é sempre motivo de empolgação. No entanto, quando o assunto é carro usado ou seminovo é extremamente essencial verificar determinados itens de segurança. Confira quais são eles.

Itens de segurança para analisar na hora de comprar um carro
Confira os itens de segurança para analisar na hora de comprar um carro (Foto: Pixabay)

Segurança é um dos pilares na hora de decidir comprar um carro usado

Na hora de comprar um veículo, seja ele novo ou usado, determinadas questões são  essenciais que sejam analisadas, como os itens de segurança, por exemplo.

Para método de comparação, a Ipsos fez uma pesquisa mostrando o que as pessoas costumam considerar antes de comprar um automóvel, e o top 3 é: preço, eficiência do combustível e itens de segurança. Dessa forma, fica claro como o tema é um dos pilares na hora de adquirir um veículo novo.

VEJA TAMBÉM

Para te ajudar sobre o tema, confira uma lista dos itens de segurança mais importantes de serem analisados na hora de comprar um carro usado. A mesma foi formulada pelo diretor de comunicação da Carupi, startup de tecnologia que facilita o trâmite de compra e venda de automóveis, Gustavo Braga.

Quais itens de segurança analisar quando comprar um carro usado

  • Airbags: consulte o proprietário se o veículo possui airbags, quantos são e onde estão. Os frontais são obrigatórios por lei desde 2014, e é importante averiguar se estão funcionando corretamente. Para isso, basta girar a chave ou apertar o botão de partida: se a luz do airbag acender e apagar após alguns segundos, está tudo certo. Se permanecer acesa ou não acender, então algo pode estar errado.
Freios: o test drive é essencial para conferir se os freios estão funcionando corretamente. Para isso, procure fazer um trajeto que inclui subidas e descidas e não esqueça de verificar o freio de mão nas saídas em rampas. Os freios ABS são obrigatórios desde 2014 para carros novos. Esse equipamento é um auxílio eletrônico de segurança que tende a evitar o travamento das rodas em frenagens de emergência, mas é preciso averiguar em quais condições o dispositivo se encontra. Barulhos na hora da frenagem e trepidações ao frear podem indicar problemas eletroeletrônicos, defeitos nos sensores e necessidade de manutenção.
Airbags frontais são obrigatórios para carros fabricados a partir de 2014 (Foto: Pixabay)
  • Pneus: confira as condições visuais do pneu e procure pelo indicador de desgaste TWI. Observe também as dimensões e as capacidades, analisando se o tipo de pneu é o modelo indicado para aquele modelo de carro – muitos donos de veículos instalam pneus que não são recomendados pela fabricante do automóvel, o que pode comprometer sua dirigibilidade.
  • Cintos de segurança: a legislação atual exige que todos os lançamentos de automóveis, nacionais ou importados, desde janeiro de 2018, venham de fábrica com o cinto de segurança de três pontos. Verifique se o cinto não está com cortes ou dobras que possam impedir sua elasticidade. Teste também como é o travamento do cinto, e confirme se há um equipamento para cada passageiro.
  • Luzes: ligue o carro e teste o funcionamento das luzes. Acenda os faróis, pise no freio para constatar se as luzes de frenagem operam normalmente, acione as setas em ambos os lados e engate a ré para testar se a luz indicativa acende. Na parte traseira, veja se há refletores vermelhos no para-choque e iluminação da placa na cor branca.

Itens de segurança, continue lendo

  • Cadeirinha infantil: para quem tem filhos pequenos, uma preocupação constante é a segurança das crianças nas cadeirinhas, fixadas no banco traseiro. Nos carros mais antigos, o procedimento de fixação utilizava os próprios cintos de segurança.

Hoje é exigida a presença do Isofix, que é o padrão internacional para fixação de cadeirinhas infantis. Elas devem ficar presas em ganchos soldados na carroceria, ao invés dos cintos de segurança.

Freios: o test drive é essencial para conferir se os freios estão funcionando corretamente. Para isso, procure fazer um trajeto que inclui subidas e descidas e não esqueça de verificar o freio de mão nas saídas em rampas. Os freios ABS são obrigatórios desde 2014 para carros novos. Esse equipamento é um auxílio eletrônico de segurança que tende a evitar o travamento das rodas em frenagens de emergência, mas é preciso averiguar em quais condições o dispositivo se encontra. Barulhos na hora da frenagem e trepidações ao frear podem indicar problemas eletroeletrônicos, defeitos nos sensores e necessidade de manutenção.
O sistema Isofiz confere maior segurança na fixação de cadeirinha infantil (Foto: Freepik)

Aproveite e veja: Tudo sobre o Fiat Toro 2022

  • Controle de estabilidade: trata-se de um sistema eletrônico que funciona de forma independente no freio de cada roda para corrigir o trajeto do veículo em casos de perda de aderência dos pneus. Pergunte ao vendedor se o carro possui o acessório, ou procure no painel por uma tecla com desenho de um carro derrapando. É esse botão que habilita o equipamento e indica se o veículo conta com a tecnologia de segurança.
Freios: o test drive é essencial para conferir se os freios estão funcionando corretamente. Para isso, procure fazer um trajeto que inclui subidas e descidas e não esqueça de verificar o freio de mão nas saídas em rampas. Os freios ABS são obrigatórios desde 2014 para carros novos. Esse equipamento é um auxílio eletrônico de segurança que tende a evitar o travamento das rodas em frenagens de emergência, mas é preciso averiguar em quais condições o dispositivo se encontra. Barulhos na hora da frenagem e trepidações ao frear podem indicar problemas eletroeletrônicos, defeitos nos sensores e necessidade de manutenção.
O indicado é realizar um test drive para verificar o sistema de freio (Foto: Pixabay)
  • Limpadores, travas, espelhos e demais sistemas: é essencial que você cheque as condições desses itens. Se algum está ausente, quebrado ou apresentando falhas, o melhor a fazer é negociar o reparo antes da compra ou, até mesmo, ajustar o valor no preço do carro, já que, obrigatoriamente, você terá que rodar com esses equipamentos em ordem.
  • Freios: o test drive é essencial para conferir se os freios estão funcionando corretamente. Para isso, procure fazer um trajeto que inclui subidas e descidas e não esqueça de verificar o freio de mão nas saídas em rampas.

Os freios ABS são obrigatórios desde 2014 para carros novos. Esse equipamento é um auxílio eletrônico de segurança que tende a evitar o travamento das rodas em frenagens de emergência, mas é preciso averiguar em quais condições o dispositivo se encontra. Barulhos na hora da frenagem e trepidações ao frear podem indicar problemas eletroeletrônicos, defeitos nos sensores e necessidade de manutenção.

 

“O mercado de compra e venda de usados e seminovos pode esconder surpresas desagradáveis, como golpes financeiros, carros problemáticos e até mesmo situações potencialmente perigosas em encontros com vendedores desconhecidos. Por isso, não tenha medo ou vergonha de recorrer a um mecânico profissional para conferir esses parâmetros para você. Sua segurança em primeiro lugar!”, finaliza e orienta o diretor da Carupi.

Gustavo Braga é diretor de comunicação da Carupi

 

Nicole Santana

Nicole SantanaJornalista e especialista em comunicação empresarial, com bagagem de mais de três anos atuando ativamente no setor automotivo e premiada em 2016 por melhor reportagem jornalística através do concurso da Auto Informe. Atualmente dedica-se à redação do portal Garagem 360, produzindo notícias, testes e conteúdo multimídia sobre o universo automobilístico.

O post 8 itens de segurança para verificar na hora de comprar carro usado apareceu primeiro em GARAGEM 360.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Vamos conversar?