Não categorizado

Brasileiros pagam R$1,2 milhão para importar carros da Tesla; entenda

Carros da Tesla

Os carros da Tesla fazem parte do imaginário de muitas pessoas. E não é para menos. Eles possuem um design atraente, itens de luxo e tecnologia de ponta. Sem falar de um eficiente conjunto mecânico. Estes veículos já estão sendo vendidos em diversas partes do mundo. Aqui no Brasil, as pessoas pagam até R$ 1,2 milhão para importar carros da marca de Elon Musk. Sem falar que existem até mesmo grupos de proprietários.

A fabricante de carros elétricos norte-americana foi fundada em 2003, no estado da Califórnia. Seu primeiro grande veículo fabricado foi o Roadster. Ele foi lançado em 2008. No mesmo ano, Elon Musk passou a ser o CEO da Tesla. Hoje, a linha é formada por quatro veículos: Model S, Model 3, Model X e Model Y. Aqui no Brasil, números do Renavam mostram que existe 102 carros dela aqui no Brasil.

Carros da Tesla
Foto: Divulgação/Tesla

Brasileiros pagam R$1,2 milhão para importar carros da Tesla; entenda

De acordo com o “Estado de São Paulo”, os donos pagam entre R$600 mil e R$ 1,2 milhão para adquirir um veículo. Hoje, uma empresa bastante conhecida faz a importação destes carros. A loja Osten já está no mercado de importação de veículos de luxo há um certo tempo. Só em 2021, foram 11 carros da Tesla importados por eles. Alguns já foram vendidos. Outros fazem parte de um serviço de carros por assinatura.

Para fazer a manutenção dos veículos, a empresa traz um técnico do México. Ele fica por aqui de três dias a uma semana. Os serviços são feitos em oficinas localizadas em São Paulo ou Santa Catarina. No caso, as peças e equipamentos são encomendadas pelos donos dos veículos.

Veja também: Tudo sobre o VW Gol 2022, um dos carros mais econômicos do Brasil!

Carros da Tesla
Foto: Divulgação/Tesla

Enquanto isso, a DPR Trading, empresa do brasileiro Daniel Panizzi Reis, ajuda a intermediar as exportações dos modelos da montadora. Foi por meio dela que as maioria dos Teslas que estão no Brasil chegaram. Em entrevista ao Estado de São Paulo, o proprietário diz que a empresa já exportou cerca de mil Teslas: “Somos considerada a principal empresa de exportação desses modelos”, diz Reis ao jornal. A empresa atende clientes de mais de 20 países.

Manutenção

Carros da Tesla
Foto: JP Valery/Unsplash.com

E um dos donos de carros da Tesla aqui no Brasil é Daniel Lunelli. De acordo com o jornal Estado de São Paulo, o catarinense já importou sete carros da Tesla. Sendo que quatro ainda estão em sua garagem. Conhecido como “Tesla Boy”, ele começou a gostar dos veículos da marca após uma viagem aos Estados Unidos. Segundo a reportagem do jornal, ele gosta muito do motor elétrico dos carros e do sistema semiautônomo.

“O carro é extremamente rápido, super potente, muito seguro, tem autonomia de 400 km, conectividade com o celular que nenhum outro tem e exige pouca manutenção”, diz Lunelli ao Estado de São Paulo.

Mas nem tudo são flores. A falta de uma rede oficial deixam os donos receosos quando o assunto é manutenção. Lunelli já teve um problema com isso. Antes de vender um Model X, que estava com uma luz de alerta do motor traseiro acesa, o empresário pagou US$ 3,5 mil para mandá-lo para o EUA. Lá, o motor foi substituído e mandado para ele 45 dias depois.

Este é um problema recorrente dos donos que importaram carros da marca. Eles se reúnem em um grupo, que é chamado de “100% Tesla Club Brasil”. Como a marca não possui uma rede de concessionárias no Brasil para cuidar da manutenção, eles se unem para trazer para o Brasil um mecânico especialista da marca. A publicação conta que no ano passado, eles se juntaram para pagá-lo.

Foto: Charlie Deets/Unsplash.com

O valor arrecadado ficou entre R$ 30 mil e R$ 45 mil. No entanto, os donos de carros da Tesla também podem entrar em contato com a marca para agendar um atendimento remoto. Este é feito por meio do aplicativo. Foi isso que fez Rafael Leonhardt, que é dono de um Model 3. O carro do empresário estava com um chiado no som.

E ele precisou agendar para um técnico norte-americano se conectar ao veículo e descobrir o que estava acontecendo e passar o diagnóstico de que estava acontecendo. O problema foi resolvido pelo próprio dono, que seguiu um vídeo mandado pelo funcionário.

“Nunca mais quero outro tipo de carro; ele não tem o melhor acabamento, mas é imbatível no dia a dia”, conta Leonhardt. 

O Garagem360 esteve no evento 16º Veículo Elétrico Latino-Americano. Aproveite e confira os destaques que conhecemos no encontro, como o Tesla Y:

Com informações do jornal Estado de São Paulo

Pedro Giordan

Pedro GiordanJornalista graduado pela Universidade Metodista de São Paulo em 2017. Redator do Garagem360 desde abril de 2021. Anteriormente, trabalhou em redação jornalística, assessoria de imprensa, blog sobre futebol e site especializado em esportes.

O post Brasileiros pagam R$1,2 milhão para importar carros da Tesla; entenda apareceu primeiro em GARAGEM 360.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Vamos conversar?