Não categorizado

Carro usado: qual cor é a mais valorizada? Spoiller: não é o prata!

Existe um mito popular sobre carros prata serem melhores de revenda e valorizados. E, por isso, muitos consumidores opta por essa cor com medo de ficar com um mico nas mãos. Mas segundo pesquisas da Mobiauto, não é bem isso que acontece no mercado de usados.

A startup realizou uma pesquisa em sua base de dados para verificar o comportamento de preços dos modelos seminovos no país (2019 e 2020) separados por cores. Inicialmente, os pesquisadores apanharam cotações de centenas de marcas e modelos em janeiro e, posteriormente, dos mesmos veículos em dezembro de 2021. Feita a análise dos dados, o resultado surpreendeu.

VEJA TAMBÉM:

O levantamento considerou as 16 marcas de maior volume de vendas do país, com um total de 565 modelos e versões. Para cada uma delas, os pesquisadores da área de Estatísticas da Mobiauto selecionaram a variação de preços das cinco cores mais comuns: branco, prata, cinza, preto e vermelho. Outras tonalidades mais raras, como amarelo, verde, azul ou marrom foram descartadas da pesquisa por terem uma amostragem muito restrita e nem pertencerem ao menu dos principais modelos zero km.

E deu vermelho!

Cor Ano Valorização
Vermelho 2019 24,09%
Preto 2019 22,12%
Prata 2019 21,91%
Branco 2019 21,77%
Cinza 2019 21,32%
Vermelho 2020 19,79%
Preto 2020 18,50%
Cinza 2020 18,49%
Branco 2020 18,48%
Prata  2020 18,02%

De acordo com Sant Clair Castro Jr, consultor e CEO da Mobiauto, a ótima performance dos seminovos na cor vermelha também está atrelada a outros dois aspectos: a cor é mais comum em alguns nichos de mercado, o que ajudaria a valorizá-la.

Na outra extremidade, o vermelho também é acalentado nas poucas opções de carros esportivos, o que levaria o comprador a pagar um pouco mais caro neste caso específico para ter seu seminovo na cor mais representativa.

De uma forma geral, apanhando a média de valorização dos modelos 2019 e 2020, o resultado aponta para 20,45%. Veja que curioso: todas as cores de modelos 2019 ficaram acima da média, bem como as mesmas cores de modelos 2020 posicionaram-se abaixo desse percentual. O CEO da Mobiauto diz:

Quando uma pesquisa mostra variação tão estreita nos resultados é sinal de que aquele ingrediente que está sendo pesquisado não interfere, definitivamente, na opção do comprador. E esta é uma ótima notícia! Se você era daqueles consumidores que escolhia a cor do seu carro zero km já pensando na hora da revenda… esqueça! O comprador de seminovos não está nem aí pra isso

O post Carro usado: qual cor é a mais valorizada? Spoiller: não é o prata! apareceu primeiro em AutoPapo.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Vamos conversar?