Não categorizado

Chefe da Mercedes-AMG garante o motor V8 para os próximos 10 anos

Os fabricantes premium europeus estão com a mira focada nos elétricos para o futuro próximo. O banimento dos motores à combustão na Europa marcado para 2035 e o sucesso dos elétricos nos EUA são os principais motivos. Mas nem tudo está perdido para os puristas que gostam de um Mercedes-Benz V8.

Philipp Schiemer, o chefe da Mercedes-AMG, foi entrevistado pela revista Road and Track e disse que existe um futuro para o motor V8. Ele garante esse motor por pelo menos 10 anos. O grupo Daimler já anunciou que não irá desenvolver novos motores à combustão, mas nada impede de aprimorar os existentes.

VEJA TAMBÉM:

Ainda existe demanda para o V8 da Mercedes-AMG

mercedes amg gt 63 s e performance 4 door coupe vermelho frente em movimento
O Mercedes-AMG GT 63 S e-Performance alia o V8 a um sistema híbrido, o desempenho é forte e ainda consegue um consumo baixo

Schiemer é responsável pelo Classe G e pelas divisões AMG e Maybach. Ele diz que ainda possui clientes que amam seus carros e continuarão comprando com esse tipo de motor. O executivo completa que existe demanda para o motor V8 em competições, como nas categorias GT4 e GT3.

O novo Mercedes-AMG GT 63 S e-Performance é citado como um exemplo de unir o motor V8 com baixas emissões. Esse sedã esportivo traz o 4.0 biturbo aliado a um sistema híbrido plug-in. O resultado final são 842 cv e 142 kgfm.

Esse carro com capacidade para quatro passageiros mais bagagem é capaz de acelerar de zero a 100 km/h em 2,9 segundos e atinge 200 km/h em menos de 10 segundos. Além de fazer isso ele consegue uma média de 11,6 km/h no padrão europeu. Nada mau para um carro com motor V8 que atinge 316 km/h.

O melhor de dois mundos

mercedes-benz g500 cinza frente fora de estrada
Os fãs do jipão de luxo Classe G ainda fazem questão do motor V8

O diretor técnico da Mercedes-AMG, Jochen Hermann, diz que esse esquema híbrido traz o melhor dos elétricos e dos motores à combustão. O motor elétrico ajuda a trazer acelerações incríveis enquanto o V8 traz as altas velocidades na Autobahn.

Hermann diz que existem várias combinações diferentes que podem ser feitas entre um motor à combustão e um sistema híbrido. O AMG GT 63 S e-Performance mostra apenas uma dessas opções e existem outras a serem exploradas.

Os motores V8 da Mercedes-AMG ainda são populares fora da Europa em lugares onde a gasolina é mais barata, como no Oriente Médio. Os EUA está com boa aceitação para os elétricos mas ainda existe demanda pelos motores à gasolina.

Os V8 fazem parta da Mercedes-Benz há muitos anos, conheça com o Boris esse clássico de 1971 com esse tipo de motor:

Fotos: Mercedes-Benz | Divulgação

O post Chefe da Mercedes-AMG garante o motor V8 para os próximos 10 anos apareceu primeiro em AutoPapo.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Vamos conversar?