Não categorizado

Jeep Renegade: dicas de como usar a tração 4×4 do SUV!

Jeep Renegade

Já faz um tempo que o Jeep Renegade está presente no mercado brasileiro. O carro foi lançado por aqui em 2015. Feito na cidade de Goiana-PE, ele possui diversas opções de acabamento e de motorização. As mais caras possuem um atributo interessante: a tração 4×4. Ela faz com que o carro se dê bem nem estradas de terras. Mas como ela deve ser usada?

Este é um sistema que está presente em boa parte dos utilitários esportivos e picapes. Quando alguém diz que o carro tem tração 4×4 significa que o motor pode enviar força para todas as rodas. Estradas com baixa aderência e trilhas são os locais mais propícios para o seu uso. No caso do Jeep Renegade, ela está disponível apenas nas versões movidas a diesel.

Jeep Renegade traz 4WD Lock e 4WD Low; entenda a diferença!

No caso, estamos falando das configurações Moab (R$ 155.490), Longitude (R$ 164.590) e Trailhawk (176.990). Todas elas estão equipadas com o propulsor Multijet 2.0 turbodiesel 16V. A potência 170 cv a 3.750 rpm e torque 35,7 kgfm a 1.750 rpm. Ele está acoplado a uma transmissão automática de nove marchas.

Jeep Renegade
Jeep Renegade (Foto: Divulgação/Stellantis/Jeep)

A tração 4×4 pode ser considerado um diferencial do carro. Poucos modelos da categoria o oferecem. O sistema usado aqui também pode ser encontrado nos jipes maiores da montadora norte-americana. Este é o caso do Compass e do Commander. Para acioná-lo, o carro deve estar ligado.

Já o câmbio precisa estar na posição D, R ou N. Normalmente, o próprio sistema já faz a transferência automática. Como o veículo traz uma tração sob demanda, toda a força fica nas rodas dianteiras. Mas caso precise, este sistema envia uma força de 20 kgfm para a traseira. Mas ela pode ser permanente graças a função “4WD Lock”.

Aproveite e veja: Tudo sobre o Fiat Toro 2022

Jeep Renegade
Jeep Renegade (Foto: Divulgação/Stellantis/Jeep)

Você ainda pode contar com a 4×4 reduzida (chamada de 4WD Low). Este é mais recomendado para pistas escorregadias e terrenos irregulares. O motorista irá selecionar estas funções nos botões localizados atrás da manopla de câmbio. Ele também serve com o seletor do Selec-Terrain. Uma luz de LED se acenderá ao lado do modo de condução escolhido. Você pode escolher entre cinco modos:

  • Automático
  • Snow (para usar na neve)
  • Sand (Terra)
  • Mud (lama)
  • Rock (rochas; exclusivo do modelo Trailhawk)

Desempenho no mercado

Jeep Renegade (Foto: Divulgação/Stellantis/Jeep)

O Jeep Renegade pode ser considerado o queridinho do Brasil. Isso porque ele é o sonho de consumo de muita gente. Sem falar que já faz um tempo que está nas primeiras posições do ranking de vendas. De acordo com a Fenabrave, ele teve 54.170 unidades comercializadas desde o começo deste ano.

Já vimos que a tração 4×4 dele é um dos atributos. Mas as versões Flex também possuem bons pontos positivos. Ele é um dos mais baratos da categoria, por exemplo. O Renegade STD está custando a partir de R$ 92.990. Ele, o Sport, o Longitude e o Limited estão equipados com o motor E.torQ 1.8 16V Flex. Sua potência máxima é de 139 cv e torque de 19,2 kgfm. A transmissão utilizada nestes modelos é a automática de seis velocidades.

O porta-malas pode variar com a versão. Isso porque a maioria das versões (Flex e Diesel) tem capacidade para 320 litros e o modelo Trailhawk tem espaço para 273 litros.

(Com informações de Insta Carro, Comprecar e Jornal do Carro)

Pedro Giordan

Pedro GiordanJornalista graduado pela Universidade Metodista de São Paulo em 2017. Redator do Garagem360 desde abril de 2021. Anteriormente, trabalhou em redação jornalística, assessoria de imprensa, blog sobre futebol e site especializado em esportes.

O post Jeep Renegade: dicas de como usar a tração 4×4 do SUV! apareceu primeiro em GARAGEM 360.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Vamos conversar?